Google+ Badge

segunda-feira, 17 de agosto de 2015

ANIVERSÁRIO


    
    Hoje o meu belo Príncipe faz cinco anos. Ao fazeres o teu quinto aniversário, é uma certeza de que com a tua esperteza vês a tua vida de uma maneira diferente. Seis que ainda és pequeno para compreenderes certas coisas da vida, mas tu meu príncipe quanto mais cresces mais belo estás, e muito mais esperto e inteligente. Fazer mais um aniversário é brincar e crescer para mais tarde vires a ser um grande homem. Adoro ver-te feliz e a sorrir, mas não gosto de te ver chorar. 
     
     Sabes meu amado príncipe; não sabes alegria que me dás, quando estás ao pé de mim. Podias vir mais vezes, mas não pode ser como o teu avô quer, adorava ir todos os dias passear contigo, ir andar no comboio que tu dizes que anda muito depressa. Espero que este teu sonho de andar no comboio que anda muito depressa seja realizado o mais depressa possível.  Meu príncipe como eu adorava ter a certeza que os teus sonhos de criança e de pessoa adulta. Fossem por ti realizados.
    
      Espero que tenhas muitos e verdadeiros amigos, e que reconheças que qual é a importância dos amigos para ti. Ao recordares o tempo que já vives, e o que te deixou viver. É lembrar da vitória de um dia teres nascido, e aprenderes a valorizar o tempo. É contares com a presença dos teus pais e da família. Fazeres aniversário é saberes que só se nasce uma só vez, e que por isso a oportunidade de viver é única, e isso se torna no valor da tua vida.
Feliz Aniversário Beijinhos dos Avôs.  

Aniversário

O meu príncipe faz cinco anos...
Nasceu sobre o olhar das estrelas;
Foi referenciado pela lua:
Cresceu sobre a luz do sol.
Vai crescendo na magnitude dos astros...
Que faz da tua vida magia:
Encontraste o amor onde a havia dor;
Transformas-te a saudade em felicidade.
Tu és a mais bela canção...
Que provoca emoção e paixão;
Com belas notas musicais da tua vida:
Que são leves e felizes.
E com a sua leveza...
Transformas-te a tristeza em alegria:
Ainda que essa alegria;
Não seja infinita de ternura.   
 Feliz do dia em que tu nasceste...
Feliz a hora em que te vi!
Feliz daqueles que tem o teu amor:
Feliz do dia 10 de Agosto:
Dia em que tu nasceste.

O Meu Príncipe

O meu príncipe...
Quer ir passear;
No comboio que anda depressa:
E logo diz para o seu avô!
Ó avô Manel vamos nessa.
Ele gosta muito de conversar...
E de tudo gosta saber:
Os nomes dos rios!
Das montanhas e das flores;
E de tudo o que aparecer.
Gosta que lhe com histórias...
De pessoas e de bichos;
De barquinhos e do mar:
Gosta de ir para a quinta das freiras,
Apenas para brincar.


Autor: Santa Cruz (Direito do Autor @reservado)



sábado, 27 de junho de 2015

POEMA AOS PAIS


A vocês queridos pais...
que nos deram a vida;
e nos ensinaram a vivê-la com dignidade:
não bastaria um obrigado.
A vocês queridos pais...
 que iluminaram os nossos caminhos obscuros;
com afecto e dedicação:
para que os trilhássemos!
sem medo e cheios de esperanças,
não bastaria um muito obrigado.
A vocês queridos pais...
que se doaram inteiros;
e renunciaram aos vossos sonhos:
 para que, muitas vezes!
pudéssemos realizar os nossos sonhos.
Queridos pais...
pela longa espera e compreensão;
durante nossas longas viagens:
não bastaria o nosso muitíssimo obrigado.
A vocês queridos pais...
 pela vossa natureza;
 ou por opção e amor:
 não bastaria dizer, que não temos palavras!
 para agradecer tudo isso.
Mas é o que nos acontece agora...
quando procuramos arduamente;
uma forma verbal:
de exprimir uma emoção ímpar.
Uma emoção que jamais...
 seria traduzida por palavras:
Nós vossos filhos vos amamos.
Autor: Santa Cruz (Direito do Autor @Reservado)

Escrito dia 24/03/1995

sábado, 30 de maio de 2015

A MINHA VIDA


    Minha vida se tornou muito especial; a partir do momento em que te conheci. Não sei se foi amor a primeira vista; só sei que foi amor.Tenho vontade de viver, sonhar, amar, ser para sempre feliz. Eu e tu. Afinal, és tu quem completa minha vida. Sem ti, minha vida fica com um vazio muito grande,vazio esse que só se preenche quando tu está comigo, quando está em meus braços.
    
  Nós desfrutamos um único momento. E os nossos pensamentos estão unidos num único sentido, e num único ritmo. Nesse momento, nada mais existe. Só eu e tu. Dois seres num único ser; duas almas, dois corpos, dois pensamentos. Unidos numa única pessoa, o amor! Passe o tempo que passar; viva o mundo o que viver; digam as pessoas o que disserem; nada! Mesmo nada irá mudar o que está escrito sobre a nossa vida.

 O Meu Amor

Eu te amarei por toda a vida... 
Mesmo que um dia;
As nossas vidas estejam em outro lugar:
O meu amor por ti é eterno.
Meu único sofrer é não ter-te comigo...
Mas já como tu estás comigo;
Digo bem alto para todo o universo ouvir:
Eu sou feliz porque  te amo;
E tu estás sempre comigo.
Autor: Santa Cruz (Direito do autor @reservado)
Acabado de escrever 25/05/2015

sexta-feira, 1 de maio de 2015

COMO VAIS MEU AMOR


Como vais meu amor…
Os teus problemas diminuíram?
Aqui neste lugar onde estou: 
Tudo permanece como antes.
Como vais meu amor...
A tua saúde como vai? 
Aqui onde vivo, estou fraco:
A minha saúde mental se foi.
Como vais meu amor...
Tens os nossos filhos ao teu lado?
As noras e o meu príncipe como estão!
Aqui a minha melhor companhia;
Se chama saudade.
Sim as minhas saudades...
Saudades da minha felicidade,
Saudades das noites de amor,
Saudades da vida que vivi.
Como vais meu amor...
Sabes como gosto muito de rezar:
Mas aqui não há nada para fazer;
Por isso rezo ainda mais?
Com as minhas orações, fico clamo.
Quero sejas muito feliz...
E sabes porque te peço isso?                                                                             
Porque ainda te amo:
E amarei eternamente.

Autor: Santa Cruz (Direito do Autor @reservado)

Escrito às 21h00 de 30/04/2015. Baseado num sonho que tive na noite de 29 para 30 de Abril ,de que já tinha partido para junto de Deus Pai.

domingo, 19 de abril de 2015

FORMOSA FLOR



   Formosa flor e eterna princesa como estas? Como sãos os teus dias, sei que andas um pouco triste, mas minha bela princesa a vida tem destas coisas, mas como amigo só te quero dizer deixa-te de tristezas porque, apesar da separação dos teus pais eles nunca, mas nunca te deixarão de amar trazem-te dentro do seu coração, serão sempre os teus pais, e nunca o deixarão de o ser. Sabes formosa Flor tu és uma menina linda e muito bela para andares triste, força minha amiguinha, não quero e nem posso ver-te assim avalada.
    
      Permanece viva e activa, e com os teus lindos sorrisos como antes, e com essa tua linda cara sempre alegre, Porque como disse a vida continua e apesar de tudo nada acabou, teu pai segue a sua vida, mas não vos deixa de amar e tua mãe é a mesma coisa segue a vida dela, mas nunca deixará de amar as suas filhas queridas. Olha minha princesinha tens que seguir a tua vida de estudares para ser uma princesa bela e com um curso superior, para poderes estar feliz, e fazeres felizes os teus pais, tua mana e teus avós.
   
      Sabes Cristiana, não me quero meter na tua vida de jovem princesa, apenas quero e desejo que sejas forte, não te deixes ir abaixo, e pensa positivo que tudo vai correr bem, e como disse teus pais nunca deixarão de te amar, e teus avós também o amor que eles tinham por ti e tua mana continuam a ter e cada vez será maior. Porque o amor dos pais pelos filhos é eterno, mesmo estando longe deles nunca deixam de os amar, como não te quero maçar mais apenas desejo tudo de bom para ti, minha formosa flor e eterna Princesa. 


 O Sorriso 

Cristiana!
Sorrir é amar, é sonhar...                                                                                  
É dedicar-te;
Aos momentos mais felizes da tua vida;
Por isso num momento triste da vida,                    
Lembra-te princesa de um lindo sorriso.
Sorrir é amizade…
Que por mais curta que seja;                                        
Nunca mais será esquecida:
Sorrir também é Amar!
Pois o amor não morre:                                                                          
 O amor apenas dorme;
Para acordar ainda mais belo:
Sorri minha Formosa princesa;
 E tem um óptimo dia.

Autor: Santa Cruz (Direito do Autor Reservado)

sábado, 4 de abril de 2015

SOU



As lágrimas que choro…
Que caem pesadamente no poço;
Da minha ausência:
Que aparecem salientes,
No fundo de um lago.
Sou! O frio cinzento…
Aonde habita um fogo ardente;
Sou! Um ser já cansado:
Que não encontra respostas;
Mas persiste em fazer perguntas,
Porque sou! Sou assim…
Sou! Um ser que chora lágrimas:
Por uma pessoa querida;
Que hoje eternamente perdi,
Adeus querido Irmão.

Autor Santa Cruz

Este poema é para ti querida amiga Liska que hoje perdeste o teu mano. O teu mano fez hoje mesmo a sua Páscoa, a palavra Páscoa em Latim apenas quer dizer Passagem o teu mano fez hoje a sua passagem desta vida terrena para a vida eterna Junto de Deus Pai. Amiga as minhas sinceras condolências e força. 

domingo, 8 de março de 2015

PARA VOS MULHERES


Neste dia tão especial...
Dia das mais belas flores,
Preparo a minha serenata:
Com lindos versos de amor.
Dia Internacional da mulher...
Ou das mais belas flores;
Para mim são todos os dias:
O dia do mais belo e puro amor.
Passo as noites em claro...
A ouvir as estrelas a cantar;
São cânticos de esperança:
Do meu eterno viver e amar.
Sem vos eu não sou nada...
Vossos lábios, eu quero beijar;
Em vossos braços quero morrer:
Num puro e doce amar.

Autor Santa Cruz

Direito do autor @reservado

sábado, 28 de fevereiro de 2015

TRISTEZA


 
   Porque vieste tristeza, encher meu coração de mágoas. Tu me trouxeste tristeza, em vez de me ajudar, promete-me que nunca mais me farás ficar triste, por isso te peço tristeza vai para longe e não invadas o meu pobre coração. Hoje perdi mais uma flor do meu eterno Jardim, adeus amigo Vilela mais uma vez meu coração ficou a chorar, mas o que mais me dói é ver-te partir, e eu ao teu funeral ter que assistir. Ó! Que dor tão grande que não sei se vou resistir.
   
      Mas tudo farei, para não chorar, mas não sei se vou aguentar, todas as pessoas que deixas, esposa filhos família e amigos vão sentir a tua falta, mas sempre ouvir dizer, que Deus escreve direito por linhas tortas. Deus fez o que achou melhor para ti: porque  meu amigo estavas a sofrer, e Deus não te queria ver sofrer, por isso te chamou para junto Dele! Descansa em paz meu amigo e pede ao Senhor pela tua família e amigos. 
     
   Como todos nós sabemos não somos eternos neste mundo, apenas somos peregrinos a caminho da Pátria Celeste. Quando chegar a nossa hora, partiremos para o Pai, e de novo nos encontraremos na Pátria Celeste juntos de Deus Pai. 

Tristeza 

O meu coração está triste...
E escuro como a noite;
Hoje perdi mais uma:
Das minhas eternas flores.
Partiu para sempre...
Jamais nos veremos;
Nesta vida terrena: 
Adeus eterna flor.
Deixaste muitas pessoas tristes...
E com grandes saudades tuas;
Deixaste esposa e filhos:
Família e amigos.
Mas tinha que ser assim...
Porque foi assim que Deus quis:
Adeus eterna flor?
Até ao dia em que nos encontremos.
Na Pátria celeste junto de Deus Pai.
Adeus eterna flor...
Partiste!
Mas não deixarás de estar.
Dentro do meu pobre coração.

Autor Santa Cruz (Diácono Manuel Gomes)
  
Direito do autor @reservado

domingo, 1 de fevereiro de 2015

A BELA INÊS

  Esta bela Inês é a mesma senhora para quem escrevi um poema com o Titulo Mulher de Olhar Meigo. Tenho uma pequena história passada entre mim e ela, que foi no ano de 1990, cerca das 10h00 da manha, quando ai com os amigos tomar café. Ao atravessar a rua na passadeira, vinha esta senhora na altura uma jovem estudante com algumas amigas, e um dos colegas ao passar por ela, deu-lhe uma palmada no rabo e eu que ai a seguir levei uma chapada dela na cara, a menina nessa altura só faltou pôr-se, de Joelhos a pedir-me desculpa.

   Voltei a encontrar esta menina, mas desta vez já uma senhora, que viajou comigo do Porto para Lisboa no comboio Intercidades as 06h52, do dia 14 de Janeiro de 2010, viajava-mos em 1ª classe eu de um lado da carruagem e ela outro, vi que a senhora olhava constantemente para mim, mas não liguei. A certa altura reclinou-se para trás no banco, cobriu-se com um casaco e adormeceu. Fui ao bar de volta peguei, num bloco de apontamentos que trago sempre comigo, e comecei a escrever, depois de ter escrito o poema olhei para ela e decidi por como titulo: Mulher de Olhar Meigo. 

    Quando cheguemos ao destino estação de Santa Apolónia, já junto a porta de saída a senhora me perguntou: o senhor não me conhece, eu respondi não? Então a Inês me começou a explicar o que se tinha passado a cerca de vinte anos atrás, fui ai que eu, novamente me lembrei, e a Inês novamente me pediu desculpa. Já na plataforma da estação ela me disse o seu nome, que era tradutora e intérprete de Línguas, e que ai para o Ministério dos Negócios Estrangeiros. Despediu-se de mim e cada um foi à sua vida. Acabamos por dar o nosso contacto um ao outro, e eu de volta ao Porto nesse mesmo dia escrevi o poema que se segue.

A Bela Inês

Oh! Bela e doce Inês…
Com o teu lindo sorriso:
Mulher de olhar terno e meigo;
És uma bela flor;
És uma mulher bela: 
Com porte de rainha.
Oh! Bela e doce Inês…
Diz-me lá outra vez;
Se tu és a bela Inês:
Como posso eu saber?
Que tu és a bela Inês. 
És mulher alegre e divertida…
Aberta de coração e alma;
És mulher desinibida:
 E cheia de amor e paixão.
És e serás para mim…
A bela Inês;
De um doce coração.

Autor: Santa Cruz (Direito do autor @reservado)

  

domingo, 18 de janeiro de 2015

A HORA



    Não importa a hora? Qualquer hora ou dia é hora de mudar, de dar uma volta a nossa vida. Não importa quantos degraus é necessária subir ou descer para se estabelecer novas regras na nossa vida; e por novos rumos sempre no nosso caminho. Os grandes fiscais de nós somos nós mesmos, porque o nosso caminho tem de ser percorrido por nós, os outros não podem realizar o nosso percurso. As pedras ou as flores que surgem no nosso caminho são consequência das acções praticadas por cada um de nós. 
   
     A cada um de nós é dado a liberdade de escolher, o que é colocado à nossa disposição. Há sempre duas opções com o livre arbítrio com o direito de escolher. É uma maneira de dizer. Eu quero ser livre e espontâneo da minha própria vontade. Dependendo da nossa escolha, até podemos desfrutar de uma falsa felicidade. Mas com um momento de intensa alegria; ou de uma vida pautada pelo nosso trabalho, podemos fazer os outros felizes. É assim a sonhar e a realizar com isso. 
     
       Porque ninguém é perfeito, uma correcção de imperfeição pode ser feita desde que tenhamos a vontade de corrigir essa nossa imperfeição. No nosso trajecto há muitas ofertas e centenas de oportunidades para satisfazer o nosso ego ou o nosso desejo. Há centenas de convites, para que só mesmo ao lado daqueles, que lutam por um mundo melhor, com mais justiça social, mais amor e menos de desigualdades.

A Hora

A hora sempre me ensinou...
A dizer adeus às pessoas que amo;
Mas sem as tirar do meu coração:
E sorrir às pessoas que não gostam de mim.
Posso mostrar que sou diferente...
Daquilo que elas pensam!
Calar-me, ouvir  e aprender com meus erros:
Afinal eu posso ser sempre melhor.
Fazer de conta que tudo está bem...
Mesmo quando isso não é verdade;
Para que eu possa acreditar que tudo vai mudar:
E abrir minhas janelas para o amor.
E não  mais temer o futuro...
Lutar sempre contra as injustiças;
Sorrir quando o que mais desejo é gritar:
Todas as minhas dores para o mundo.


Autor: Santa Cruz

Reservado o direito do @utor.